Nos dias 11 e 12 de agosto de 2015, os alunos beneficiados pelo projeto Meninos da Fazenda – Ano 3, participaram de uma Avaliação Técnica de Futebol de Campo, promovida pela Associação Atlética Ponte Preta, na praça de esportes Edvaldo Gemin, situada na rua José Lopes Serra, Bairro Vila Palmeira Campinas/SP. Foram avaliados garotos nascidos nos anos de 1999 à 2005, com o intuito de descobrir novos talentos para a modalidade.

As avaliações foram realizadas pelos profissionais da Associação Atlética Ponte Preta, nas categorias SUB-11 e SUB-13 onde os beneficiados passaram por avaliações técnicas, táticas e jogo, sendo 10 minutos de fundamentos e 25 minutos de coletivo (jogo). Na categoria SUB-15 , as avaliações foram de 40 minutos, sendo 10 minutos de fundamentos e 30 de coletivo.

O critério adotado para a escolha dos beneficiados participantes na avaliação envolveu avaliar o comprometimento nas aulas, participação em palestras e eventos já realizados pelo projeto, o respeito com os colegas e com os professores e frequência no Projeto e na escola.

O objetivo principal foi promover a experiência de uma avaliação com um “olhar” técnico feito por especialistas de um grande clube do futebol brasileiro onde os beneficiados foram avaliados em vários aspectos. Fazendo com que, eles se adaptassem e se empenhassem, mostrando sempre o seu melhor sempre respeitando os limites e ajudando o seus companheiros de equipe.

Os beneficiados foram acompanhados pela auxiliar técnica – Jéssica Meneguetti.

Este projeto é patrocinado pelas empresas Pirelli e Adere com apoio da Secretaria de Cultura, Esporte e Lazer da Prefeitura Municipal de Sumaré e Associação de Moradores do Parque Santo Antônio e Jardim Santiago e é desenvolvido pelo Centro de Gestão de Tecnologia e Inovação – CGTI via Lei Paulista de Incentivo ao Esporte.

Como no mês de Julho (02) comemora-se o dia do Bombeiro, o Projeto Meninos da Fazenda – Ano 3, recebeu a visita dos Oficiais do Corpo de Bombeiros de Sumaré, BM Marcos e BM Marcelo, que realizaram uma palestra para os beneficiados, alertando sobre os riscos do uso do ‘cerol’ ou ‘cortante’ nas linhas de pipas.

O Corpo de Bombeiros Municipal de Sumaré realiza no município o Projeto Cerol Não, onde o objetivo do programa é minimizar o número de acidentes com vitimas com linhas de pipas que contenham cerol.

A palestra ocorreu na manhã da quarta-feira (15) e foi ministrada por meio de bate-papo com os participantes presentes, onde foram abordados diferentes temas relacionados ao assunto, como: a importância da prevenção a possíveis acidentes | acidentes relacionados aos festejos juninos | motivos pelo qual é proibida a soltura de balões | passar trotes é crime!

Os oficiais reforçaram o lema do Corpo de Bombeiros que é SALVAR VIDAS, o número telefônico para acionamento do Corpo de Bombeiros (193) e do SAMU (192) e a diferença entre o atendimento dos mesmos.

No final deram orientações e dicas sobre soltar pipa de forma segura, pois isso é uma brincadeira saudável!

– Não solte pipas em dias de chuva, principalmente se houver relâmpagos;

– Evite brincar perto de antenas, fios telefônicos ou cabos elétricos. Procure locais abertos como praças e parques;

-Tente soltar pipa sem “rabiola”. Na maioria dos casos a rabiola da pipa prende na fiação de alta tensão;

– Não empine pipa em cima de lajes e telhados, há risco de queda;

– Jamais utilize linha metálica, como fio de cobre de bobinas ou cerol. Também não faça pipas com papel laminado;

– Ao correr atrás das pipas, muito cuidado com o trânsito;

– Caso uma pipa enrosque em fios, não tente retirá-la. É melhor fazer outra. Nunca use canos, vergalhões ou bambus para alcançá-las ou desenrolá-las.

Para conhecimento:

Soltar balões faz muitas vítimas, destrói casas, queima florestas e mata animais. Ao ser lançado no ar, o balão expõe todas as pessoas já que nunca se sabe onde e em que situações ele vai cair. Por isso é uma prática proibida por lei.

Todo esse quadro se agrava nos meses de junho e julho por conta da estiagem das chuvas e ar mais seco, o que facilita a propagação de incêndios florestais que destroem a fauna e a flora. Há também o risco de incêndios nas áreas urbanas, em casas, postos de combustíveis, depósito de produtos químicos, galpões de reciclagem, além dos problemas ao tráfego aéreo.

Lei Federal 9.605 de 1998, chamada de Lei de Crimes Ambientais, proíbe a fabricação, a venda, o transporte e a soltura de balões que possam provocar incêndios nas florestas e demais formas de vegetação, em áreas ou qualquer tipo de assentamento urbano. A pena para este crime é a detenção de um a três anos, multa ou ambas.

O Projeto Meninos da Fazenda possui o patrocínio das empresas Pirelli e Adere, apoio da Secretaria de Cultura, Esporte e Lazer da Prefeitura Municipal de Sumaré e Associação de Moradores do Parque Santo Antônio e Jardim Santiago e é desenvolvido pelo CGTI via Lei Paulista de Incentivo ao Esporte, uma ação do Governo do Estado de São Paulo, através da Secretaria de Esporte, Lazer e Juventude.

Evento ocorreu no sábado (27/06) com a presença de autoridades, moradores e apoiadores do projeto

O projeto Meninos da Fazenda apresentou oficialmente seu terceiro ano em um evento na cidade de Sumaré no último sábado (27/06). A prática de cunho sócio desportivo beneficia mais de 130 crianças e adolescentes de 06 a 15 anos através do futebol de salão.

A apresentação contou com a presença dos representantes da Secretária de Esportes de Sumaré, Fernando Fuji e Rony Carlos, da assessora de Recursos Humanos da ADERE, Ana Júlia Tozzi, e da Secretária Adjunta da Secretaria Estadual de Esportes, Lazer e Juventude, Lívia Galdino da Cruz que destacou sua satisfação com o projeto por meio de uma rede social. “Fico muito feliz em ver como os recursos do da Lei Paulista de Incentivo ao Esporte estão sendo bem empregados nesse projeto. Conheci os professores e gestores do projeto, que tem um brilho nos olhos ao falar do que está sendo feito”, afirma.

O público presente no local, que também contou com a presença dos pais e responsáveis pelos beneficiados, conheceram os profissionais que atuam no projeto, assim como os objetivos e metas a serem alcançadas. Puderam participar da entrega do material esportivo (chuteira) para cerca de 100 crianças e adolescentes e acompanhar a realização de jogos com os novos uniformes (jogo) do projeto.

O Projeto Meninos da Fazenda é 100% gratuito e beneficia crianças e adolescentes do Parque Santo Antônio, com prática esportiva de qualidade, oferecendo recursos humanos, materiais esportivos, reforço alimentar, uniformes (treinos e jogos) e transporte para participação em eventos externos, e é realizado via Lei Paulista de Incentivo ao Esporte.

Os beneficiados são supervisionados por profissionais de Educação Física, responsáveis pela execução e gestão do projeto, além do apoio do voluntário Marcos Antônio de Jesus dos Anjos, morador da comunidade e um dos idealizadores do projeto Meninos da Fazenda.

Este projeto possui o patrocínio das empresas Pirelli e Adere, apoio da Secretaria de Cultura, Esporte e Lazer da Prefeitura Municipal de Sumaré e Associação de Moradores do Parque Santo Antônio e Jardim Santiago e é desenvolvido pelo CGTI via Lei Paulista de Incentivo ao Esporte, uma ação do Governo do Estado de São Paulo, através da Secretaria de Esporte, Lazer e Juventude.

Evento ocorreu no sábado (27/06) com a presença de autoridades, moradores e apoiadores do projeto

O projeto Meninos da Fazenda apresentou oficialmente seu terceiro ano em um evento na cidade de Sumaré no último sábado (27/06). A prática de cunho sócio desportivo beneficia mais de 130 crianças e adolescentes de 06 a 15 anos através do futebol de salão.

A apresentação contou com a presença dos representantes da Secretária de Esportes de Sumaré, Fernando Fuji e Rony Carlos, da assessora de Recursos Humanos da ADERE, Ana Júlia Tozzi, e da Secretária Adjunta da Secretaria Estadual de Esportes, Lazer e Juventude, Lívia Galdino da Cruz que destacou sua satisfação com o projeto por meio de uma rede social. “Fico muito feliz em ver como os recursos do da Lei Paulista de Incentivo ao Esporte estão sendo bem empregados nesse projeto. Conheci os professores e gestores do projeto, que tem um brilho nos olhos ao falar do que está sendo feito”, afirma.

O público presente no local, que também contou com a presença dos pais e responsáveis pelos beneficiados, conheceram os profissionais que atuam no projeto, assim como os objetivos e metas a serem alcançadas. Puderam participar da entrega do material esportivo (chuteira) para cerca de 100 crianças e adolescentes e acompanhar a realização de jogos com os novos uniformes (jogo) do projeto.

O Projeto Meninos da Fazenda é 100% gratuito e beneficia crianças e adolescentes do Parque Santo Antônio, com prática esportiva de qualidade, oferecendo recursos humanos, materiais esportivos, reforço alimentar, uniformes (treinos e jogos) e transporte para participação em eventos externos, e é realizado via Lei Paulista de Incentivo ao Esporte.

Os beneficiados são supervisionados por profissionais de Educação Física, responsáveis pela execução e gestão do projeto, além do apoio do voluntário Marcos Antônio de Jesus dos Anjos, morador da comunidade e um dos idealizadores do projeto Meninos da Fazenda.

Este projeto possui o patrocínio das empresas Pirelli e Adere, apoio da Secretaria de Cultura, Esporte e Lazer da Prefeitura Municipal de Sumaré e Associação de Moradores do Parque Santo Antônio e Jardim Santiago e é desenvolvido pelo CGTI via Lei Paulista de Incentivo ao Esporte, uma ação do Governo do Estado de São Paulo, através da Secretaria de Esporte, Lazer e Juventude.

Evento ocorre no dia 27/06 e reunirá a comunidade, patrocinadores e parceiros

O projeto de cunho sócio desportivo que beneficia mais de 130 crianças e adolescentes de 06 a 15 anos através da prática do Futebol de Salão, terá seu terceiro ano apresentado oficialmente em um evento na cidade de Sumaré.

O Projeto Meninos da Fazenda é 100% gratuito e beneficia crianças e adolescentes do Parque Santo Antônio, com prática esportiva de qualidade, oferecendo recursos humanos, materiais esportivos, reforço alimentar, uniformes (treinos e jogos) e transporte para participação em eventos externos, e é realizado via Lei Paulista de Incentivo ao Esporte.

As atividades esportivas de Futebol de Salão são desenvolvidas três vezes por semana (quarta e sexta-feira – manhã e tarde) e aos sábados (período da manhã), com turmas divididas de acordo com faixa etária e horário escolar.

Os beneficiados são supervisionados por profissionais de Educação Física, responsáveis pela execução e gestão do projeto, além do apoio do voluntário Marcos Antônio de Jesus dos Anjos, morador da comunidade e um dos idealizadores do projeto Meninos da Fazenda. No evento serão entregues as chuteiras aos beneficiados e apresentados os uniformes (treino e jogo).

Este projeto possui o patrocínio das empresas Pirelli e Adere, apoio da Secretaria de Cultura, Esporte e Lazer da Prefeitura Municipal de Sumaré e Associação de Moradores do Parque Santo Antônio e Jardim Santiago e é desenvolvido pelo CGTI via Lei Paulista de Incentivo ao Esporte.

Data: 27 de Junho de 2015

Horário: 09h30 às 12h

Local: Rua Deusdete Alves de Souza, 205 – Parque Santo Antônio – Sumaré/SP (Quadra Esportiva da Associação dos Moradores)